Brunch ou coffee break: qual a melhor escolha?

Para ter um evento de sucesso você deve saber o que é mais adequado aos seus convidados e contexto de socialização. Brunch ou coffee break?

Nestes momentos são servidas refeições e bebidas e é importante que você saiba, para agradar a todos e garantir um momento agradável, qual o mais conveniente, se brunch ou coffee break, confira abaixo as diferenças entre ambos.

Brunch: o que é?

O brunch é um meio termo entre o café da manhã e o almoço, portanto, são servidas comidas mais consistentes e elaboradas, porém não tão pesadas quanto um almoço. O brunch substitui uma das refeições, geralmente o almoço.

Exemplos de pratos servidos em um brunch são crepes salgados, tortas, omeletes, panquecas, bolos recheados, pões doces e salgados recheados e doces individuais. Também podem ser servidas frutas.

Para beber, são sugestões sucos, refrigerantes, leite, achocolatado, café, iogurtes e vitaminas.

Coffee break: o que é?

Antes de escolher se brunch ou coffee break, também é importante saber especificamente o que é servido em um coffee break.

O coffee break é caracterizado por uma pausa mais leve e rápida, mais comum em eventos corporativos, para descontração e socialização. São servidos, portanto, pratos e bebidas mais leves, mais fáceis de comer e que não sustentam tanto assim.

Exemplo de comidas são alguns tipos de pães e torradas, manteiga, requeijão e poucos frios; de doce podem ser servidos biscoitos diversos, bolos simples, pães doces já fatiados e algumas frutas fáceis de comer.

Para beber são normais sucos, leite, café e achocolatado, nada muito pesado.

Brunch ou coffee break: qual dos dois escolher?

Para decidir se brunch ou coffee break, tenha em mente o horário e tipo de evento.

Para ocasiões que se iniciem um pouco mais tarde, depois das 10h, pode ser recomendado o brunch, pois é uma refeição que substitui o almoço. Lembre-se, contudo, que além do horário deve ser levado em conta que o brunch é indicado para eventos comemorativos, já que a comida, por ser um pouco mais pesada, deixará os participantes mais descontraídos e desconfortáveis para participação de atividades que exijam o intelecto.

Já para eventos mais cedo, antes das 10h, o ideal é um coffee break, principalmente em eventos corporativos. Lembre-se que o coffee break não deve prejudicar nenhuma refeição do convidado, bem como deve dar condições para que se atente à programação da ocasião.

Ao escolher entre brunch ou coffee break pense que o coffee break também pode se dar na parte da tarde, por volta de 15h e 16h, novamente, sem prejudicar o jantar do participante.

Independentemente do escolhido, é essencial também se preocupar com o seu público, ou seja, quais as características das pessoas, como idade e nacionalidade, e, ainda, a formalidade da ocasião (se exige ou não refinamento).

Lembre-se, ainda, da presença de vegetarianos ou veganos, enfim, deve ser montado um cardápio que agrade a todos, sem exceção.

Aproveite as dicas acima e escolha entre brunch ou coffee break, com ponderação, para que todos desfrutem do evento de forma satisfatória.

Gostou desse texto? Continue explorando o blog da Bread and Company para ter acesso a outros conteúdos relevantes como esse. Clique Aqui!